Isabelle Reis

Escritora

Jornalista

Eu amo Literatura Nacional

segunda-feira, 14 de maio de 2018

COMO ESCAPAR DO BLOQUEIO LITERÁRIO?

Literatura é um mercado. Por isso, existem milhares de profissionais que alimentam essa indústria e sofrem com os bloqueios criativos que qualquer pessoa que trabalhe com a liberação de ideias enfrenta. Atualmente ao disponibilizar um livro para o resgate de algum manuscrito, é necessário entender que existem diversas "regrinhas" que ajudam na escolha do original. O número de páginas não deve ser muito grande, a preferência das grandes editorias é por livros únicos e não sagas, o tipo de escrita e o assunto que esteja sendo abordados no momento ajudam também. Depois de pensar em tantas regras, a verdade é que não sobra muito para a criatividade do autor, não é? 
Por isso, mesmo que você queira jogar tudo para o alto ou seguir os padrões editoriais, o bloqueio sempre vai dar aquele "oizinho" básico em algum momento da construção da sua história. Então fica, que vai ter bolo de bloqueio literário.

Afinal, o que é o bloqueio literário?

Bloqueio literário pode ser entendido como uma dificuldade que as pessoas têm em algum momento de ter uma nova ideia ou inspiração. Isso ajuda no não desenvolvimento da história e impossibilita que o autor continue escrevendo.

1. Faça um roteiro da história


Os roteiros literários ajudam na construção da história como um todo, não só para quando você tiver um bloqueio. Mas quando esta dificuldade aparecer, você pode ir até o seu roteiro e tirar a dúvida do que deve desenvolver no momento. Quer saber como se faz um roteiro? Clique aqui.

2. Trabalho também precisa de momentos de lazer


Sabe quando as pessoas dizem que quando se trabalha com o que ama nem parece que está trabalhando? É basicamente isso. Está no estresse dos prazos e do mal desenvolvimento da história? Pare, vá ler um livro, escrever uma outra história bobinha pro Wattpad, vá fazer uma One-shot do seu seriado favorito. Esqueça o livro por algumas horas e se distraia. Sua cabeça vai voltar muito mais criativa do que antes.

3. Não tenha medo da rejeição


É fácil falar, mas vou ensinar como se faz. Nós, escritores, temos uma permanente vontade interna de aceitação. Por isso, quando recebemos uma crítica ou uma resenha ruim, ficamos tristes e desmotivados. Quando se está escrevendo uma história que não esta sendo lida por ninguém, isso acaba também tirando a motivação. O que eu sugiro é: eleja uns cinco Beta Readers - leitores que seguem a sua história - vá entregando os capítulos para eles e esperando o feedback com os pontos altos e baixos. Atenção! Betas são conhecidos por não entregarem as anotações no prazo. Estabeleça um e fique em cima!

4. Desligue-se do mundo 


O Whatsapp, Facebook e Instagram podem te consumir consideravelmente. Antes de começar a escrever pesquise tudo o que for necessário para aqueles capítulos e feche todas as outras abas. Se lhe fizer melhor, utilize a técnica Pomodoro para intensificar ainda mais o momento de escrita.

5. Sprints, já ouviu falar?


O NaNoWriMo deixou ainda mais em evidência a técnica o Sprint. Vários grupos de autores se reuniram para escrever cada vez mais e aumentar o número de palavras colocadas no site. A técnica é a seguinte: escolha um horário, por exemplo, nove horas da noite. Junte mais um ou dos amigos e por exatamente uma hora, escreva sem para. Não ligue para quais ideias estão vindo, não ligue para erros de português ou pesquisa, apenas escreva por uma hora direta, tudo o que vier a sua mente. Depois você se preocupa com a edição. A competitividade de saber quem escreveu mais estimula seu lado criativo e um amigo ajuda o outro, é demais!


O que é a técnica Pomodoro? 🍅

A Técnica Pomodoro é um método de gerenciamento de tempo desenvolvido por Francesco Cirillo no final dos anos 1980. A técnica consiste na utilização de um cronômetro para dividir o trabalho em períodos de 25 minutos, separados por breves intervalos. A técnica deriva seu nome da palavra italiana pomodoro (tomate), como referência ao popular cronômetro gastronômico na forma dessa fruta. O método é baseado na ideia de que pausas frequentes podem aumentar a agilidade mental.

Esta é uma autora que sonha em ser romancista policial, mas já escreveu aventuras, crônicas, livro adolescente e, ah, meu Deus! Deixa para lá, só ser escritora já está bom!

1 comentários:

  1. Nem me fale em bloqueio criativo...Trabalho como redator e às vezes os artigos simplesmente não saem. No geral acontece quando dormi mal ou estou com preocupações alheias. Nesses casos preciso resolvê-las de alguma forma, nem que seja colocando-as em uma lista de tarefas. E realmente, roteiro ajuda muito!

    https://wallacerandal.wordpress.com

    ResponderExcluir

Entre em contato!

Email

isabellereis@live.com

Quer tirar dúvidas sobre a Publiquei Editorial?

contato@publiqueirevista.com

Até logo!